Mensagens

Esperança

Qual é a sua esperança? Ficar rico ou famoso? Ter um bom emprego, saúde, formação intelectual? Um bem, um imóvel? Quem sabe sua esperança está depositada em seus filhos ou em seus próprios negócios!?

Mas é só isso? O que acontece depois que você alcançar aquilo que tanto aguarda? Então você começa a buscar outra meta e assim continua sempre em busca de algo mais. Enfim a morte chega e a esperança acaba; pois, para aquele que está entre os vivos há esperança “porque melhor é o cão vivo do que o leão morto. Porque os vivos sabem que vão morrer, mas os mortos não sabem coisa nenhuma, nem tampouco terão eles recompensa, mas a sua memória fica entregue ao esquecimento. Também o seu amor, o seu ódio, e a sua inveja já pereceram, e já não têm parte alguma para sempre, em coisa alguma do que se faz debaixo do sol” (Ec. 9:5-6).

O Espírito de Deus nos fala, através do apóstolo Paulo que, se esperamos em Cristo só nesta vida, somos os mais miseráveis de todos os homens. (1 Co 15:19). Ele quis dizer que se esperamos o bem de Deus somente para esta vida, sobre bens materiais deste mundo, alegrias e realizações sem contemplar o que Deus tem preparado no Reino porvir, todos nós estamos destinados a ser infelizes. Pois, afinal, todos morreremos um dia e toda nossa recompensa neste mundo se acabará.

Mas Deus nos dá através da confiança em Cristo uma esperança muito maior: “Porque para mim tenho por certo que as aflições deste tempo presente não se podem comparar com a glória que em nós será revelada. Na esperança de que também a mesma criatura será libertada da servidão da corrupção, para a liberdade da glória dos filhos de Deus. Porque em esperança fomos salvos. Ora, a esperança que se vê não é esperança; porque o que alguém vê como o esperará? Mas, se esperamos o que não vemos, com paciência o esperamos” (Romanos 8:18, 21, 24 e 25).

Temos recebido de Deus uma ordem de esperar, aguardar firmemente como quem vê o invisível (Hb 11:27), porque todas as coisas desta vida são passageiras e o início depois do fim é certo. O rei Davi (1Cr. 29:15)  orou ao Senhor reconhecendo: “Porque somos estrangeiros diante de ti, e peregrinos como todos os nossos pais; como a sombra são os nossos dias sobre a terra, e sem ti não há esperança.” Tal esperança jamais pode cansar ou abater-se, pois a esperança cristã produz perseverança através do labor cristão e da graça, não de uma espera na calçada como quem olha para o horizonte e vê apenas os pássaros e as nuvens passarem, indo rumo ao que esta também lhes está prometido sem sequer mover-se.

Mas, se esperamos em Cristo, confiante em Deus, quando Cristo, que é a nossa vida, se manifestar, então também nós nos manifestaremos com ele em glória (Cl 3:4).

E já temos a garantia: Que Deus nos amou tanto, que entregou seu Filho, Jesus Cristo, para experimentar a morte e o inferno em nosso lugar para que todo o que nele acreditar não morra, mas receba de graça a vida eterna (João 3:16). Tendo Ele mesmo ressuscitado ao terceiro dia para que também pudéssemos crer na esperança da nossa ressurreição junto com Ele no último Dia. Por isso também diz: “Mas Deus prova o seu amor para conosco, em que Cristo morreu por nós, sendo nós ainda pecadores” (Rm 5:8).

“Mas nós, segundo a sua promessa, aguardamos novos céus e nova terra, nos quais habita a justiça” (2 Pedro 3:13).

Então, tenhamos por firme certeza de que tudo quanto Ele disse e nos prometeu se cumprirá sem que nada venha faltar, pois Ele é poderoso para fazer muito mais além de tudo aquilo que queremos ou imaginamos.

Assim diz o Senhor Jesus: “Tenho-vos dito isto, para que em mim tenhais paz; no mundo tereis aflições, mas tende bom ânimo, eu venci o mundo” (Jo 16:33).

Certamente andaremos em muitas tristezas, mas sempre acompanhada de uma nova oportunidade de nos alegrarmos. Teremos muitas mágoas, mas através delas teremos a chance de nos reconciliar. Sofreremos muitas quedas, mas em todas elas teremos amparo e refúgio. Em meio as aflições uma abertura para novos rumos. As mudanças fazem parte de nossas vidas, não importa o quanto venhamos temê-las. Na nossa esperança guardamos firmes as promessas que jamais haverão de falhar, por mais incertos que pareçam os nossos passos.

“É na vossa perseverança que ganhareis a vossa alma” (Lucas 21:19).

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s