Mensagens

Aquele momento embaraçoso quando falamos do Evangelho

Por Ken Currie*|14 de Junho, 2012

O evangelismo é contra-cultural. Isto é fato em todo canto do planeta, mas talvez seja assim, especialmente em nossa sociedade ocidental cada vez mais pós-Cristã. Vivemos em uma cultura educada, em sua maior parte. Discussão sobre religião? Você simplesmente não se mete. Discute-se sobre quantos furacões passaram, e como o time está indo, e como a cidade tem novas lixeiras. Mas Jesus Cristo, crucificado pelos pecadores e ressuscitou dos mortos? Você simplesmente não se envolve. Assim eles dizem.

Por enquanto, parece que a maior ameaça a pregação do Evangelho em tal sociedade não é que vamos ser arrastados diante do conselho da cidade, espancados e ter a nossa propriedade arrancada. O que estamos lidando na verdade é com um certo constrangimento.

O constrangimento é talvez a maior ameaça para o evangelismo para muitos de nós.

Constrangimento nunca matou ninguém

Eu fiz uma pequena pesquisa e pude confirmar que não existe nem um caso documentado de alguém morrer, ou até mesmo ser gravemente ferido, por constrangimento. Nem um.

Mas quando leio o Twitter dos meus filhos, eu vejo quase a metade de seus tweets começarem com “Aquele momento embaraçoso quando ….” O constrangimento é catastrófico, e talvez especialmente para os da geração mais jovem.

Constrangimento! É como se nós imaginarmos fogo, asteróides e dragões. Como se as pessoas estivessem correndo pelas ruas gritando, “Fuja do constrangimento, ele vai te pegar! Você pode se sentir incomodado. Seria terrível se você se sentisse constrangido!”

Mas um pouco de constrangimento – ou mesmo muito dele – é um preço muito pequeno a pagar para desfrutar do poder do Espírito de Deus nos usando para ser suas testemunhas.

Alegria no Pequeno Sofrimento

Escrevo isso não como um super-evangelista. Eu estou junto com você, naturalmente com medo de que as coisas possam sair desajeitadas. Eu sento, quando estou no avião, pensando: “Se o cara ao meu lado não gostar de minha fala sobre Jesus aí é que vai ser complicado.” Ah, não, vou ter um problema difícil de lidar sentado perto desse cara por duas horas inteiras sendo constrangido!

Para o cristão, há uma alegria e um privilégio no sofrimento por Jesus, até mesmo em um minúsculo sofrimento. A maioria de nós pode concordar que quando demos o passo na fé (fomos convertidos), o incômodo não foi realmente tão ruim assim, em retrospecto. O constrangimento parece tão horrível quando está diante de nós. Mas não é tão ruim depois que fica pra trás. Todos os meus membros estão juntos, eu estou bem, não é realmente tão ruim assim.

Você está envolvido

O objetivo aqui não é causar qualquer tipo de culpa em você. Mas eu penso que quando olhamos para essa questão do testemunho do evangelho, temos uma tendência de fazer o que fazem nas grandes cidades quando alguém está deitado no chão. Todo mundo passa pela vítima como se não percebessem nada. Em seguida, os policiais vêm virando a esquina e perguntam por que ninguém acudiu. Foi porque ninguém quis se envolver.

Bem, se você é um crente nascido de novo, você está envolvido — muito, muito envolvido. O Espírito Santo vive em seu coração. Você não pode estar mais envolvido. Você está no meio disso. Está acontecendo bem aí em você. Você é a questão, você é a cena do crime. Você está envolvido. Nós não podemos dançar fora do compasso.

Por que é tão difícil?

Por que Deus faria algo que nós ansiamos fazer ser tão difícil de realizar?

Para alguns cristãos, não é difícil evangelizar. Na verdade, estes tendem a ficar perplexos quanto ao porquê de tão poucos cristãos estarem envolvidos no ide, com o evangelismo ousado. Se este é você, eu quero te dizer, louvamos a Deus por sua ousadia. E você deve saber, você é um pouco estranho. Para você, constrangimento é apenas um conceito abstrato. Para o resto de nós, constrangimento é como uma praga a ser evitada a todo custo. Mas este é um exemplo das diferentes partes do corpo de Cristo fazendo sua específica contribuição para a glória de Deus e o avanço do Seu Reino. Então, porque algo tão importante e essencial para a vida cristã é tão difícil para muitos?

Eis uma resposta: Deus dá à maioria de nós essa consciência de incômodo para que nós nunca, nem por um segundo, confiemos em nós mesmos ou venhamos a nos exaltar e nos afastar da magnificência do evangelho. Esta tomada de consciência no evangelismo torna o evangelho tangível. Isso quer dizer que eu mesmo preciso do evangelho agora mesmo. Não só o meu ouvinte precisa de Jesus, neste momento, mas eu também!

Jesus morreu por discípulos que fazem um trabalho pobre no testemunhar. Ele morreu por aqueles de nós que muitas vezes falhamos em anunciá-lO porque temíamos que poderia ter incomodado. Mas ele também morreu para nos dar a graça de ultrapassarmos a falta de jeito para dar testemunho dEle.

Que Deus nos dê a graça de nos recuperar de nossos muitos fracassos e graça para não desistir diante do embaraço em dizer aos outros as notícias mais importantes do mundo.

____________________

Traduzido por Leno Santana a partir do site desiringgod.org

*Ken Currie é o diretor do Campus Outreach Minneapolis e o pastor líder na divulgação da Bethlehem Baptist Church. Ken e sua esposa Theresa têm cinco filhos.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s