Estudos Bíblicos

A melhor notícia de todos os tempos

Lucas 2:1-20

Na época do feudalismo, nem todos possuíam terras. Na era do capitalismo, nem todos possuem o capital. Vivemos na era da informação. Será possível que ainda haja gente desinformada? Todos os dias somos bombardeados com pilhas e pilhas de notícias. Será que ainda assim todos têm acesso às informações necessárias? Ou têm a Boa-Nova primordial e mais fundamental de todos os tempos?

Deus lança a manchete e depois cria o fato.

No texto de Lucas 2:1-20 está exposto a narração da Boa-Nova de que Deus enviou seu Filho ao mundo. Ele traz à tona uma antiga promessa de Deus feita a Davi de que o Rei eterno se assentaria no seu trono, e que viria de Belém (Mq. 5:2). Isso há quase mil anos de distância. Mesmo assim, aquilo que Deus disse não muda. Ele se relaciona conosco através da fé, da confiança. Deus é fiel, e digno de confiança ele sempre dá provas disso. Não importa a época ou quanto tempo se passou, o Senhor sempre vela sobre sua palavra para a cumprir (Jr. 1:12). Ele diz o que irá fazer para que quando fizer então a nossa confiança nele se sobressaia ainda mais. Então, como podemos levar essa Boa-Nova às pessoas de forma relevante?

– Ensinando a Verdade

Certamente não foram poucas as pessoas que haviam subido para Belém. Os pastores foram os escolhidos por Deus para ouvirem a palavra do Evangelho em primeira mão: nascia “o Salvador, que é Cristo, o Senhor” (vs.1). Eles eram uma classe desprezada naquela sociedade. Talvez não fossem as pessoas humanamente mais indicadas a ser confiada tão grande mensagem de salvação. Porém, Deus escolheu as coisas pequenas para confundir as grandes. Agora, não era uma mera notícia inventada por aqueles homens que estava sendo anunciada. Deus evoca a sua dignidade de confiança. Devemos ensinar às pessoas que Deus não mente. E o Evangelho é a verdade.

– Reafirmando que ela é uma notícia que vem do céu

Deus enviou o seu anjo para anunciar àqueles pastores a Boa-Nova de grande alegria. Deus mesmo estava enviando seu Filho ao mundo e testificando seu nascimento. É uma mensagem que dali em diante sempre será vista como a mensagem que vem do céu à terra, aos homens a quem Deus quer bem, e a quem ele concede sua paz.

O puritano Thomas Goodwin, disse a respeito da encarnação do Filho: céu e terra se encontraram e se beijaram, a saber, Deus e o homem. Não somente Deus estava tocando o chão da terra, mas por meio de Jesus possibilitava a comunhão com o homem de uma maneira extraordinária. Por assim dizer, o Evangelho é o toque de Deus no coração do homem.

“O menino será encontrado envolto em faixas, deitado em uma manjedoura” (vs.12). Entre tantas pessoas que iam e vinham, os pastores saem à procura de um bebê que havia nascido em Belém. E a palavra diz que eles acharam (vs.16). Essa mensagem dos céus anunciada pelo anjo do Senhor se tornou como uma semente que é plantada no solo. Para que o mundo colhesse vida, Deus semeou seu Filho.

– Proclamando sua credibilidade

Vale a pena confiar no Senhor e na sua Palavra. É certo que nem todos terão a mesma reação. Mas há aqueles que reconhecem em fé um verdadeiro tesouro. A reação dos anjos no verso 13 foi de louvor a Deus; assim como os pastores no verso 20. A reação das pessoas no verso 18 foi de admiração, de grande espanto. Maria (verso 19) guardava todas as palavras no coração. Significa que ela meditava sobre o que ouviu e considerava em seu íntimo. A palavra denota uma atitude semelhante a alguém que põe em um cofre um precioso tesouro.

O mundo está cheio de informações, para ser mais preciso, somente entre os anos 2002 e 2006 a humanidade produziu mais de 160 hexabytes delas. 1 hexabyte equivale a um bilhão de gigabytes. Como as pessoas irão saber qual notícia realmente tem relevância para as suas vidas?

Creia e seja tomado da convicção de que o que Jesus fez e ensinou tem valor e tem crédito. E em posse disso, tome três atitudes a fim de que você mostre ao mundo que o Evangelho sempre foi e será o poder de Deus para a salvação de todo o que crê.

1 – Se apegue mais firmemente à leitura da Escritura. Use seu tempo dedicando não somente aos afazeres comuns, escolha a melhor parte, adore a Deus lendo a Escritura. Saboreie nelas o prazer que o salmista experimentou (Sl. 119:103). Procure nelas a preciosidade que Davi encontrou (Sl. 19:10).

2 – Com isso, alimente seu coração com a verdade da Palavra de Deus e permita-se ser por ela moldado (Sl. 19:11). Entesoure-a em seu coração. Faça dela o seu prazer todo o dia. Medite, converse consigo mesmo sobre ela em seu coração.

3 – Compartilhe essa boa-nova de salvação. Anuncie que Deus quer bem aos homens e para isso ele enviou seu Filho ao mundo para ser nosso Salvador. Escolha uma pessoa e ore a Deus por uma oportunidade, tenha ânimo, tenha coragem.

Se queremos que a mensagem do Evangelho seja relevante para os outros, ela deve ser primeiramente a nós. Mesmo que você não veja na pessoa a reação que você esperava, tenha certeza de que seu próprio coração terá sido profundamente tocado pelo Espírito Santo e você vai desejar isso mais e mais. Afinal, o Evangelho não se resume a uma mera notícia ou informação, o Evangelho é vida em Jesus Cristo.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s