Traduções

Céu, um Mundo de Amor – Jonathan Edwards

O Amor Bíblico e Seus Frutos – Exposição de 1Coríntios 13

“O amor nunca falha; mas havendo profecias, serão aniquiladas; havendo línguas, cessarão; havendo ciência, desaparecerá; Porque, em parte, conhecemos, e em parte profetizamos; Mas, quando vier o que é perfeito, então o que o é em parte será aniquilado” (I Coríntios 13: 8-10).

1 – A causa e a fonte do amor celestial.

Deus é a fonte do todo santo e puro amor. Ele habita, num sentido especial, no céu, que é o Seu palácio, onde Ele manifesta a si mesmo de forma gloriosa, e, portanto, segue-se que Ele é a fonte do amor celestial. Deus é amor (I João 4: 16). Como Ele é infinito, todo-suficiente, e imutável, o Seu amor é infinito, inesgotável e eterno. No céu habita o Deus triuno, de onde procede cada gota de amor. Deus Pai habita ali, o Pai das misericórdias, que amou o mundo de tal maneira que deu seu Filho Unigênito. Deus Filho habita ali, aquele que nos amou e a si mesmo se entregou por nós. Ali Ele permanece agora com suas duas naturezas, a divina e a humana, Ele está assentado à destra da majestade (Pai) nas alturas. Deus, Espírito Santo, também habita ali, e pessoalmente nos comunica este amor. Tudo isso faz com que o céu seja um mundo de amor. Esta gloriosa fonte de amor flui através de rios que deságuam num oceano de amor, no qual as almas resgatadas podem se banhar em dulcíssima alegria, inundados de santo e puro amor.

2 – Os objetos do amor celestial.

Primeiro, não há ninguém no céu exceto aqueles que são amados. E não entrará nele coisa alguma que contamine, e cometa abominação e mentira; mas só os que estão inscritos no livro da vida do Cordeiro (Apocalipse 21: 27). Somente os santos anjos e os remidos estarão lá. Não haverá nenhum falso professo nem fingido, somente os santos cujo ouro foi purificado de toda a sua impureza.

Segundo, aqueles que estão no céu gozam de um amor perfeito. O melhor dos santos aqui na terra, embora sendo amado, ainda tem manchas e defeitos. Mas no céu, cada alma será perfeitamente pura e amável. Nenhum defeito moral ou natural entrará ali. O Filho de Deus não mais estará coberto com um véu, como na sua encarnação, mas será visto na plenitude de sua glória. Para onde quer que os habitantes deste mundo abençoado direcionem os olhos, não verão nada exceto dignidade, beleza e glória.

Terceiro, no céu estarão aqueles cujos santos colocaram seus corações acima de tudo, enquanto se encontravam neste mundo. Aqueles em quem suas almas se deleitaram, suas afeiçoes foram cativadas, em quem se regozijavam e meditavam, pelos quais eles voluntariamente se submeteram a grandes sofrimentos, abandonaram pai, mãe, esposa e filhos, e a própria vida, sim, eles estarão lá. Nós desfrutaremos da companhia dos patriarcas e apóstolos, assim como de todos os que somente conhecemos pela sua fé. Acima de tudo, nós habitaremos e desfrutaremos da presença de Deus, que é todo amor, e estaremos cheios da Sua plenitude para sempre!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s